RELÓGIO – REQUINTE E CLASSE NO PULSO DO AVIADOR ALBERTO SANTOS DUMONT

Cartier-Santos

O novo relógio Cartier-Santos vem acompanhado de 17 pulseiras.

O aviador Alberto Santos-Dumont foi um dos grandes pioneiros na época da corrida para pilotar o mais leve do que o ar. Ele pode não ter sido o primeiro (esta primazia ficou para os irmãos Wright), mas seu nome certamente entrou para a história da aviação mundial.

No final do século XIX suas festas no famoso bairro francês Champs-Elysee eram avidamente procuradas.

Um dos assíduos frequentadores destas famosas festas regadas a champagne e caviar era o relojoeiro Louis Cartier. Após ouvir do avidador que por causa do seu relógio de bolso, quando estava no geralmente era obrigado a larga os controles para medir o tempo. Foi para casa pensando como poderia ajudar o amigo brasileiro.

Alberto Santos-Dumont

Alberto Santos-Dumont seu nome faz parte da coleção de relógios Cartier

Louis Cartier criou um relógio de pulso para facilitar a vida do aviador e amigo.

Assim surgiu em 1904 o renomado relógio Cartier-Santos, uma clara alusão também ao céu de Paris que frequentemente servia de playground para o aviador.

O desenho do relógio foi feito para lembrar exatamente as grandes avenidas e a imensa torre Eiffel vista do céu.

Recentemente a relojoaria Cartier lancou um novo modelo Cartier-Santos acompanhado de 17 pulseiras de fácil troca.

Caso voce esteja interessado nesta maravilha tecnológica o preço de cada unidade custa US$6,250.

O SOFISTICADO HOTEL PLAZA EM NY

plaza hotel

Hotel Plaza sinônimo de luxo, riqueza e glamour na cidade de Nova York

O hotel Plaza, marco histórico de riqueza, glamour e classe, em Nova York, já serviu de cenário para várias produções hollywoodianas. Entre os filmes mais famosos estão: North by Northwest (1959) e Home Alone (1990).

O hotel serve de residência para a personagem infantil da série Eloise. Uma menina sapeca de seis anos que vive correndo e fazendo traquinagens nas dependências do hotel e mora na cobetura.

O hotel Plaza já pertenceu ao presidente Donald Trump. Recentemente um grupo de investidores formado por um príncipe de Dubai e uma grande firma imobiliária em Nova York comprou o hotel pela quantia de US$600 milhões.

Segundo reportagem do periódico The New York Times, um depósito de US$30 milhões foi feito com a condição de que se o negócio não der certo o depósito não será devolvido as partes interessada.

O hotel Plaza localizado na entrada do Central Park no lado Leste da ilha de Manhattan é considerado por muitos como o lugar mais refinado e glamoroso da cidade de Nova York.