A ARTE GRÁFICA DE MILTON GLASER

I LOVE NY LOGO

Icônico logo desenhado pelo artista nos anos 70

Milton Glaser é sem dúvida alguma um dos artistas gráficos mais reconhecidos em Nova York. Nascido no bairro do Bronx em 1929, ele ainda pode ser visto diáriamente no seu pequeno estúdio em Manhattan.

Em 1977 o artista ganhou sucesso mundial quando Nova York mergulhada numa crise econômica sem precedentes e que se arrastava a anos buscava uma idéia original para atrair os turistas que evitavam a cidade como se ela fosse um praga bubônica. Milton Glaser foi comissionado para criar um slogan para a cidade. Ele teve a idéia genial de colocar o desenho de coração vermelho substituindo a palavra amor na frase “I LOVE NEW YORK”. Hoje o desenho de um coração simbolizando amor pode ser encontrado em qualquer parte do planeta.

De acordo com artigo publicado no periódico “The New York Times”, Milton Glaser começou a trabalhar em 1954 e já produziu aproximadamente 3 mil desenhos para produtos de consumo, restaurantes, capas de livros, revistas e muito mais.

 

Todo o seu enorme arquivo artístico pode ser pesquisado na Escola Visual de Artes em Nova York, onde ele lecionou por quase 60 anos até aposentar-se em 2007.

Nenhuma das imagens começa com um plano premeditado, disse o senhor Glaser numa entrevista no seu estúdio em Manhattan onde aos 90 anos costuma bater cartão todos os dias. Ele diz que a finalidade aparece no processo de criação.

MADMEN

Poster para a série de televisão MADMEN

“Arte é construir coisas – particularmente construir coisas – elas são essenciais para nossa salvação”, disse ele. ” Venho trabalhar todos os dias porque sou capaz de pegar algo que existe na minha mente e torná-lo algo físico.”

“Se é bom ou ruim ou arte é irrelevante. Porém, o ato de fazê-lo tem mantindo minha mente intacta”. Sempre disse que “aposentadoria é esta conspiração horrível que impede as pessoas de estarem vivas. Meu Deus quem inventou isso?”

O que ele quer que as pessoas tirem dos seus desenhos, ele disse, é uma simples mensagem sobre a vida: “Que fazer coisas te mantém vivo”.

Para Milton Glaser estar vivo é fazer coisas.

 

 

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s